Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
Questões Sobre Doutrinas - 1950 - Dr Walter Martin

Inquirido sobre este assunto respondi:
 
 
 

 

Bom...sobre o restante da sua carta...em relação ao compromisso e resposta da AG de não fazer dos escritos de E G White interpretação infalível da Biblia, sujeitando a compreensão bíblica a seus escritos, eis o link de todas as  resposta da AG:
 
http://translate.googleusercontent.com/translate_c?depth=1&hl=en&rurl=translate.google.com&sl=en&tl=pt&u=http://www.sdanet.org/atissue/books/qod/q09.htm&usg=ALkJrhhlZPHkckhbJ3H64k_yuOi5QlICaQ
 
Link de todas as outras respostas:
 
http://translate.google.com/translate?hl=en&sl=en&tl=pt&u=http%3A%2F%2Fwww.sdanet.org%2Fatissue%2Fbooks%2Fqod%2Findex.htm
 

Questões sobre Doutrina

III. Perguntas sobre a relação dos escritos de Ellen G. White sobre a Bíblia

Escritos de Ellen G. White e sua relação com a Bíblia

PERGUNTA 9

Os adventistas do sétimo dia consideram os escritos de Ellen G. White como em um plano de igualdade com os escritos da Bíblia? Você colocá-la na classe profética com homens como Isaías, Jeremias, Ezequiel e Daniel? São suas interpretações da profecia bíblica considerada como autoridade final, e é a crença nesses escritos fez uma prova de comunhão na Igreja Adventista do Sétimo Dia?
Observo  que apesar da resposta dada pela AG, esta mentalidade expressa como se fosse da IASD  é raramente praticada e infelizmente pouco pregado entre nós, pois voce sabe que bastará alguem questionar alguma interpretação de  E G White para que esta pessoa seja paulatinamente desligada dos trabalhos eclesiásticos e evitada  por muitos lideres e  membros como uma espécie de "herege".
 
Ou seja, apenas em tese e teoria, é que existe alguma coerência, na prática é outra realidade, outra verdade e outra fé.
 
Cito a resposta dúbia:
 
"Para responder à última parte da pergunta, sobre a questão da comunhão da igreja, diríamos que, enquanto nós reverenciamos os escritos de Ellen G. White, e esperamos que todos os que se juntam a igreja a aceitar a doutrina dos dons espirituais que se manifesta em sua experiência , nós não fazemos a aceitação de seus escritos uma questão de disciplina da igreja".
 
Realmente, ninguem é disciplinado por não acreditar em E GWhite da forma como a maioria considera, contudo, esta pessoa é naturalmente evitada pelos adventistas, pois vc sabe que "crer no espirito de profecia" infelizmente é de fato e de verdade um dogma entre nós, exceto se nós negarmos a nós mesmos.
 
A doutrina dos dons espirituais do NT e que "todos podereis profetizar" está tão longe da nossa cultura que dificilmente alguem na IASD, dos 23 milhões, saberia sequer responder quantos são os dons espirituais. E restringimos o dom profético do Espírito Santo da parte de Deus, dado a todos os irmãos, quase que exclusivamente ao escritorio de redação e copilação que geraram os escritos atribuídos ao nome de  E GWhite. Isto é claramente  uma idolatria que substitui o dom profético de Deus, que deveria estar sendo exercido por todos, a alguns escritos inspirados que inclusive  contém diversos erros e enfoques diferentes dos evangelhos e sobretudo das cartas paulinas.
 
É tanta a contradição de nossa mentalidade com a expressa por Paulo que não poucos entre nós consideram Paulo quase um inimigo da Igreja e desabafos  como do Dr Milton Torres que foi professor de teologia e hoje foi afastado para lecionar letras no UNASP aparecem entre nós:  " me sinto aliviado de não ter mais que lecionar o livro "Romanos" ao seminário teológico "
 
Fiz um resumo nesta TABELA  sobre pontos positivos e negativos que encontro nos livros atribuidos a E G White, pois ainda acredito que Deus os usa, como usa a mim e qualquer pessoa falha, devido sua graça:
 
http://www.igrejaadventista.rede.comunidades.net/index.php?pagina=1413809727_02
 
Na carta reacionária de A T Jones a sua expulsão do pastorado, de 1909, vc pode ler já ele mesmo repreendendo  a tendencia de atribuir a E G White tudo que se escrevia:
 
Link da carta:
http://igrejaadventista.no.comunidades.net/index.php?pagina=1413649242
 
Citação:
"
Em conexão com isto há uma outra Confissão, a qual, até o presente momento eu não tive chance alguma de fazê-lo devidamente. Sucedeu assim: As últimas três páginas do meu panfleto Palavra Final são compostas da reimpressão de um artigo do Southern Watchman de 1 de Maio de 1906, intitulado Liberdade Religiosa por E.G. White. Agora eu sei que este artigo nunca foi escrito pela irmã White; nenhuma palavra sequer. Aquele artigo foi escrito pelo ancião George Fifield, em 1903; e foi pela primeira vez impresso com seu nome, posteriormente foi publicado apenas com suas iniciais, mais tarde foi reimpresso sem o nome ou as iniciais; então alguém o apanhou e lhe acrescentou o nome da irmã White, e assim foi publicado no artigo Liberdade Religiosa no Southern Watchman de 1 de Maio de 1906. Eu não tinha conhecimento de nenhum destes fatos na ocasião em que me apareceu o artigo no Watchman, pois eu nunca o tinha visto antes, e assim eu o aceitei como se fosse de autoria da “Irmã White”. Mas agora eu sei que nenhuma palavra sequer (deste artigo) foi escrita por ela, é de direito de todos que leram o artigo assim como foi impresso no meu panfleto, que sejam esclarecidos a este respeito. Qualquer um que deseja informações mais detalhadas deve escrever para Review and Herald, ou para A.G. Daniells, Presidente da Associação Geral dos ASD, Parque Takoma, Washington d.C. e pedir que publiquem no Review and Herald a declaração do caso intitulado “Uma outra Confissão por A.T Jones”, que lhes foi enviada no Outono de 1907, tão logo eu vim a descobrir.
O próximo passo da Comissão da Associação Geral foi este: no Concilio realizado em Gland Suíça, na qual sem qualquer aviso ou informação previa de que qualquer atitude seria tomada com respeito a mim, e inteiramente na minha ausência em todos os sentidos, e sem que eu tivesse qualquer chance de ser ouvido, vossa Comissão Executiva julgou o meu caso; achando-me culpado; condenou-me; e pronunciaram sua sentença sobre mim, e me enviaram seu comunicado oficial a este respeito; e então sem aguardarem qualquer resposta sobre minha sentença, a publicaram para a denominação e ao mundo.
Eis o caso: e então, em conseqüência disto fiz este apelo".


George Knight

 
Não sei se vc reparou mas o livro "a mensagem de 1888" de George Knigth entra em franca contradição com seu proprio livro "nulidade (neutralização)  do adventismo", fato que explica porque ele mesmo confessou aqui no Brasil em publico, no UNASP, em 2010, "Morris Venden não me topa"    e tentou colocar "pano quente" nos embates de Mineápolis ( bem historiados por ele mesmo) , como se não passasse de "mais uma disputa de personalidades que disputa doutrinaria". Esta declaração traduzida pelo Dr Timm, que até se assustou com a frase "Morris Venden não me topa" , e até pediu para que o mesmo repetisse ,  reflete exatamente a indiferença para com a nova aliança, justiça pela fé e todas as reinvindicações de Cristo e de Paulo conclamando cristãos a sairem do judaismo, ou do cristianismo judaizante, e transporem-se para o cristianismo da nova aliança. Mensagens  pregadas por Morris Venden e Alejandro Bullon (mais destacadamente na década de 80 quando pregava como departamental aos jovens antes de ser inquirido e transferido para o departamento de evangelismo aos de fora como os de dentro estivesse convertidos ao evangelho)


Bíblia e Jesus

Sim precisamos nos referenciar  na Biblia olhada, lida e reinterpretada a luz da mentalidade e valores de  Cristo que é o unico caminho, verdade e vida, nosso Deus filho encarnado e perfeita imagem do Pai.

Quando temos isso bem assentado e verdadeiramente assentado em nossa mente, muitas coisas vão tomar prioridade em nossas interpretações biblicas e das mensagens de Cristo, de Paulo, sobre os escritos de EGWhite. Dei alguns exemplos neste link e posso multiplicar muitos outros. http://www.igrejaadventista.rede.comunidades.net/index.php?pagina=1413809727_02


Sobre o 
Pr Andreasen, li o "Ritual do Santuário" e me lembro que a IASD,  a AG e professores de teologia o rejeitaram pelo perfeccionismo, apregoando que viveremos totalmente santificados e sem pecado quando houver ausencia do Espírito Santo depois do fechamento da porta da graça. Mas não sei de outras intervenções e assuntos ligados a ele.

No mais penso que a Igreja deve passar por uma reforma ampla em relação a voltar a enfases, valoers e prioridades dos evangelhos, não afastar-se dos mesmos criando uma especie de outro evangelho para o tempo do fim. Devemos exaltar tudo que foi exaltado, e andar nos mesmos passos de nosso mestre Jesus, devemos exaltar a cruz, o amor, a fé, a expulsão de demonios, as curas sobrenaturais, os dons espirituais e sermos uma igreja sobretudo CRISTà e não judaizante como temos sido.

Creio que Deus ama e cvuida da Igreja...e sabe como é dificil aceitar isso...mas é isso.

Tenho divulgado diversos livros e pregações os quais creio serem tambem a manifestação do Espírito de Profecia , observando que op grau de entonação e escala de valores e enfases se aparelham mais com o NT, assim como Desejado e Caminho a Cristo:

http://igrejaadventista.no.comunidades.net/index.php?pagina=1413587517


Que Deus nos abençoe a continuarmos firmes nEle, a despeito de tantas polemicas e diferenças que possam existir e que Jesus possa estar guiando cada vez de forma mais cristã estas atividades reformadoras e revoilucionarias que em nome do evangelho fazemos.

Ore por mim e que Deus nos ajude!


Sodré




Mais sobre este assunto leia os links:




Será que os Adventistas enganaram Walter Martin? - Você decide! Did Adventists deceive Walter Martin?--You decide!

Será que os líderes adventistas mentiram para Walter Martin? Did Adventist Leaders Lie To Walter Martin?

Martin / Barnhouse Autenticação dos Adventistas como Evangélicos por Ralph Weitz. Martin/Barnhouse Authentication of Adventists as Evangelicals Pdf Download em Inglês.

Entrevista de Walter Martin

Entrevista de Walter Martin por Gently Broken

Questões de Walter Martin a Conferência Geral por Gently Broken

Posição de Walter Martin sobre o Adventismo por Gently Broken
 
Por favor, assista uma das últimas entrevistas com o falecido Walter Martin e um líder adventista. Teria o Dr. Martin mudado de idéia sobre o adventismo? Você decide.

Walter Martin vs Robert Johnston entrevista no John Ankerberg Show. É imperdível!

WALTER MARTIN AND WILLIAM JOHNSSON DEBATE (1985)

Walter Martin Interview (Link Quebrado)
http://www.fortunecity.com/millennium/lincoln/666/martincurrents/

Em Avaliação:


Questões sobre Doutrinas (Wikipedia)

The Martin Johnsson Debate

Livro Questões sobre Doutrina on-line
The book, Seventh-day Adventists Answer Questions On Doctrine

Adventistas Declaram que Guardar o Domingo NÃO é Pecado.wmv